topo marco

ANTES DE COMEÇAR

Flacidez & Cirurgia Plástica




Flacidez cutânea: consiste no estado mobilizado, frouxo ou lânguido da pele decorrente de n-fatores, tais como: constitucional, hereditário; alimentares tanto ganho excessivo como perda de peso; idade, etc. É bom lembrar que o envelhecimento fisiológico começa por volta dos 30 anos, mas a precocidade poderá ocorrer devido ao fotoenvelhecimento causado pela exposição exagerada ao sol. É mais comum nas mulheres no período pós-gestacional, mas acontece também nos homens. Quem não conhece a famosa barriguinha de chop.

Flacidez muscular é o estado de atrofia ou hipotrofia do músculo em particular, devido a fatores constitucionais, hereditários ou adquiridos. O sedentarismo é um fator marcante e importante nesta situação, assim como o aumento do tecido gorduroso em detrimento ao muscular, como acontece no tórax masculino com a queixa de pseudoginecomastia (ocasião em que o aspecto de mama feminina no homem se dá mais pela gordura excessiva do que a glândula mamaria)

Em ambas as situações de “flacidez” a cirurgia plástica disponibiliza através de suas técnicas oportunidades de melhorar esta apresentação que o paciente acha inestética. No caso da flacidez cutânea utilizam-se técnicas de ressecções programadas levando-se em consideração o equilíbrio da relação conteúdo-continente daquela região. Na flacidez muscular pode acontecer que determinados exercícios físicos não respondem bem à hipertrofia desejada. Desta forma poderá optar-se pelo recurso do uso das próteses de silicone no intuito de melhorar aquela falta tecidual. E, assim o preenchimento é conseguido como na gluteoplastia de aumento ou próteses de panturrilha.

A ptose (queda) da pele e do músculo é coadjuvada pela ação da gravidade e nesta condição a cirurgia plástica poderá fazer o realinhamento dentro dos limites pré-concebidos através das técnicas de pexias (levantamento) ou “pences” como acontece nas mastoplastias.

No rosto a cirurgia de rejuvenescimento facial visa à correção conjunta da flacidez de pele, do deslizamento e hipotrofia do sistema musculoaponeurótico da face que se chama de Ritidoplastia ou Lifting Cérvico-Facial.

Não deixe de visitar www.portaldacirurgiaplastica.com.br & INFORMAR-SE MAIS.