O sentimento de insatisfação é humano e é algo que todo mundo pode ter em relação a si próprio ou a situações ao longo de suas vidas.

Quem nunca se sentiu atraído ou desejando aquilo que acha bonito ou interessante nos outros. Por exemplo: gostaria de ter o bumbum daquela artista famosa. Mas, você já se questionou se aquele bumbum é realmente perfeito a ponto de querer um igualzinho, ou se ele ficaria bem em você? Nos dias de hoje em que verdade e mentira, modismo e photoshop estão coladinhos um no outro, é bom pensar duas vezes. Mas, e se o bumbum for realmente bonito demais? O que fazer se não acreditar também na beleza interior? Você provavelmente é daquele tipo de pessoa que não está acreditando na beleza interior. Pode parecer "consolo", mas ajuda muito e funciona bem. Na vida, não há regras para ser feliz. Existe sim a beleza dos outros e o mais belo, isto porque somos nós próprios que criamos e temos nossas abstrações. Poderíamos enunciar uma lista de "considerados feios" que se deram bem na vida, casaram-se com belas pessoas e fizeram coisas muito bonitas. Um pequeno conselho espiritual: se você se acha feia, não atormente o mundo com a sua tristeza ou quem sabe "inveja". É verdade também que alguns desavisados e com idéia fixa na cabeça procuram alternativas perigosas e depois podem se arrepender para sempre, com seqüelas de difícil correção.

Sabemos que existe uma imensa indústria da beleza para você correr atrás e sair do prejuízo. Faça um regime, alimente-se bem, se exercite, vá ao cabeleireiro, à manicure, compre uma lente de contato na cor que você desejar. Vá ao cirurgião plástico; mas, seja consciente do que é possível.
Aprenda a se amar; pois assim será amada e quem sabe não encontrará os amores e a beleza da sua vida.





Olá Doutores, já estou velho e nasci com algumas deformidades, mas não quero morrer deste jeito; vejo na televisão que homem se transforma em mulher, genoma, clones disto e daquilo. Mas sei que o tempo que me resta não é muito longo. O que a cirurgia plástica tem a me oferecer?

Nascer com uma deformidade não faz a vida pior, apenas os desafios podem ser maiores; mas muita gente nasce perfeita e por algum acidente da sociedade moderna: balas perdidas, acidentes automobilísticos e tantos outros, sofrem deformações de uma hora para outra. A evolução da ciência aliada às boas políticas de saúde e melhoria das condições de vida têm aumentado a longevidade; mas, apesar disto todos nós envelhecemos. Temos mais conhecimento das coisas, remédios, conforto, os robôs já estão nas fábricas fazendo o serviço pesado, mas o relógio da vida segue o seu tempo.

A cirurgia plástica é uma especialidade estética e reparadora que está disponível para quem precisa e deseja. Entretanto, não temos ainda o conhecimento de transformar o velho no novo. As técnicas cirúrgicas que executamos melhoram, atenuam e retocam algumas coisas do corpo. É verdade também que a cirurgia plástica é para todos: crianças, jovens e idosos; basta estar saudável e ser tecnicamente possível de realizar.

Apesar dos preconceitos, as pessoas especiais portadoras de alguma incapacidade, seja lá qual for sua idade, já lhe são assegurados os seus direitos na sociedade; portanto, não fique parado, brigue por elas. Conhecemos um grupo de pintores que utilizam seus pés para executar belas obras de arte. Ocupe-se com alguma coisa boa, do bem. Procure um cirurgião plástico e veja o que é possível fazer dentro de suas limitações e considerando seu próprio desejo..

BG COMENTÁRIO


Acreditamos em Deus Pai, Filho e Espírito Santo, isto é fé. Não somos criadores nem cientistas. Somos Criaturas e Médicos da Cirurgia Plástica. A ciência é um conhecimento adquirido, que deve estar relacionado com o bem à humanidade. E, como qualquer ser humano, nós da BG, temos e respeitamos os limites das coisas.

DICA: Entre no nosso site: www.bgcirurgiaplastica.com.br ou www.bgcp.com.br e informe-se mais sobre o assunto lendo o artigo "Beleza de Boneca", Por que será que queremos ser belos?, Cirurgia Plástica: Passo a Passo; procedimentos Cirúrgicos.




Dimitri Chiparus



Demetre Haralamb Chiparus: Nasceu em16 de Setembro de 1886 em Dorohoi, Romênia e faleceu em 22 de Janeiro de 1947 em Paris, França.
Durante o florescimento do estilo Art Deco na década de vinte é considerado o mestre da Art Deco em bronze e marfim. Sua escultura destaca a beleza atemporal das bailarinas e da elegante moda daquele período. Seus temas são mulheres fatais ou heroínas. Muitas delas possuem as atitudes idealizadas da dança.


Feliz Natal Feliz 2009

Leonard Lamp
Chorus Line
Se você gostou dos assuntos ou queira saber mais sobre outros nos escreva.
Caso não queira mais receber esse informativo, basta responder a esse e-mail com o assunto CANCELAR.

Desenvolvido por Seu Site na Internet