E SE...!

E Se este Trio de Fashionistas fizesse uma Cirurgia Plástica...

Constanza Pascolato, Lílian Pacce & Gloria Kalil

No espectro da moda, beleza é magreza para vender roupa. Juventude é o chamariz de “boniteza”. Neste universo não há plásticas para se fazer a modelo, como já ocorre nos concursos de “Miss”. O paradoxo é que para aqueles que dispõem de recursos para comprar o produto da moda o tempo geralmente já fruiu!

A consultora de moda revelou ter medo de cirurgias plásticas ao lembrar que na única vez em que se submeteu a uma cirurgia desta especialidade tinha 44 anos e sofreu uma complicação com meningite. Desde então nunca mais quis saber de outra. Entretanto, aos 70 anos diz que fazer uma plástica é mais sério do que se pensa. “Tem gente que faz de forma correta, sem exagero, na hora certa e fica com a cara descansada e bem feitinha, de forma discreta”.

Éh! Constanza! Quando estávamos procurando por você na internet encontramos muitas fotos e supomos que já teria feito pelo menos um lift cérvicofacial com pálpebras. Chamou-nos a atenção à presença constante dos óculos escuros e a exuberância do nariz. Mas, não indicaríamos mexer no momento atual, pois nesta faixa etária a rinoplastia pode ter complicações. As estruturas estão mais frágeis e há uma identidade muito bem formada na pessoa. Prá que pagar prá ver outra complicação. E, aproveitando esta palavra “complicação” informamos que toda cirurgia, de qualquer especialidade médica tem seus riscos conhecidos que devem ser esclarecidos e evitados sempre que possível.

Mesmo sem ter o prazer de conhecer pessoalmente esta jornalista e consultora de moda, observamos através de fotos veiculadas através da mídia que Lílian Pacce parece preferir posicionar o seu rosto de frente para ser fotografada. Talvez isto ocorra em razão de saber da predominância do seu 1\3 médio da face, onde se evidencia o nariz grande que traduzimos como rinomegalia. Verificamos ainda os olhos fundos, face muito magra e olheiras. Uma rinoplastia e lifting poderiam valorizar sua figura.


“Com essas duas palavras : “identidade e civilidade” a jornalista e empresária resume os conceitos de moda e etiqueta, dois temas que a transformaram numa das mais requisitadas conferencistas brasileiras”. No mundo da cirurgia plástica a maioria dos pacientes não gosta de falar que fez uma cirurgia; dizem que foram para um SPA, cortaram o cabelo, amor novo e assim por diante. Portanto, não seremos nós que diremos se Gloria Kalil fez ou não fez uma cirurgia plástica. Mistério ou Etiqueta ou colocar o tema cirurgia plástica no próximo livro?

=======================================================================

YOU TAQUI

Celeste Bergamin

clique 2 vezes na imagem. :




Teatro Lírico – Largo da Carioca – Demolido em 1934

Se você gostou dos assuntos ou queira saber mais sobre outros nos escreva.
Caso não queira mais receber esse informativo, basta responder a esse e-mail com o assunto CANCELAR.

Desenvolvido por Seu Site na Internet