topo marco

REFLEXÕES


reflexoes

Viajando pelo www.portaldacirurgiaplastica.com.br


Conhecimento

Conhecimento é a relação que se estabelece entre o sujeito que conhece ou deseja conhecer e o objeto a ser conhecido ou que se dá a conhecer. Inúmeras são as indagações e curiosidades sobre a cirurgia plástica e suas aplicações técnicas. Assim, listamos no formato "perguntas e respostas", as principais questões levantadas pelos nossos pacientes e pelos leigos em geral.

 



Perguntas e Respostas

Vale à pena ter uma cicatriz?

O que leva uma pessoa a decidir fazer uma cirurgia, mesmo sabendo que pode ficar com uma grande cicatriz?

Resposta: A insatisfação com seu corpo, o desejo de se harmonizar consigo mesmo e com seu grupo. Faz parte da natureza humana a sua insatisfação pessoal, basta observarmos as mulheres com seus cabelos. Também por necessidades profissionais, caso comum entre os artistas, políticos, advogados, modelos, vendedores e outros que precisam, de certo modo, da aparência física para manterem-se em atividade. Também não é justo que somente as elites sejam privilegiadas dos benefícios da cirurgia plástica, logo elas as formadoras de opinião que estimulam tanto tal desejo nas pessoas mais simples de também serem belas e de estarem na moda.
Não devemos esquecer os casos de cirurgias reparadoras, essenciais para a devolução da função normal ao indivíduo, possibilitando-os inserir-se no mercado de trabalho e na sociedade.

Perguntas e Respostas
Ginecomastia ?
Homem tem peito que nem mulher?

Resposta: De certa forma sim, ou seja, o tecido glandular mamário em ambos os sexos são compatíveis. A diferença se faz pela atuação do hormônio masculinizante (testosterona), ou do feminino (estrogênio) sobre este tecido. O predomínio do estrogênio induz o crescimento da glândula e estroma mamário. Além de aumentar a deposição de gordura local.
Homens e mulheres possuem esses dois hormônios em quantidades diferentes; são eles que determinaram as características sexuais secundários em cada indivíduo. Quando o adolescente masculino chega à puberdade, a testosterona se eleva e predomina sobre o estrogênio; assim o menino desenvolverá os caracteres típicos masculinos: crescimento e distribuição característica de pêlos, escurecimento do saco escrotal, engrossamento da voz e toda compleição anatômica de um homem. É também devido à predominância deste hormônio masculino que ele não desenvolverá os caracteres femininos, tais como: desenvolvimento das mamas, formas do corpo mais arredondadas, voz fina, pele macia, etc.


=======================================================================

=======================================================================